Notícias • 26 de abril de 2016

EILD 2016_nota 02

Para conseguir soluções diferentes é preciso pensar e projetar de forma diferente. Assim, foi a forma que nós, do Comitê do Encontro Ibero-americano de Lighting Design, pensamos este encontro. Buscamos um panorama de iluminação cada vez melhor, mais criativo, mais inovador e respeitoso com o ser humano. Para conseguirmos isto, não é suficiente termos cada dia mais e melhores equipamentos, o projeto também deve evoluir. É por isso que a linha editorial do Encontro de 2016 tem como objetivo revisar o processo criativo. Os participantes se envolverão em atividades destinadas a reflexão e a experimentação, de forma dinâmica e interativa, de diferentes aspectos sobre o processo criativo no desenvolvimento de projetos.

Sendo assim, convidamos renomados profissionais internacionais de diferentes disciplinas relacionadas com a iluminação, que oferecerão seu valioso ponto de vista sobre os processos transversais determinantes na evolução de um projeto – como são os processos criativos, a teoria do jogo, os processos decisórios, a evolução do espaço urbano e o processo construtivo de uma linguagem. Ainda não podemos revelar os nomes de todos os convidados, mas podemos adiantar a presença de Cristina Simão – arquiteta, chave para a compreensão de Ouro Preto e Charles Watson – professor, investigador e um dos mais importantes palestrantes do mundo, sobre o tema do processo criativo na arte.

Outro ponto chave desta edição é a participação! O Encontro foi meticulosamente desenhado para que todos e cada um dos participantes colabore, experimente e inter-relacione – não só entre si, mas também com a cidade através das atividades, e aprenda a ver o espaço e a luz sob outros pontos de vista.

Uma das atividades é chamada de “7.L.I.G.H.T.S.et”, espaços que estarão disponíveis nos dias do Encontro para que todos possam acessá-los. 7 designers foram convidados para criar sete espaços que exploram diferentes aspectos da luz, tais como percepção, construção com sombras, poética, materiais aplicados, desenho da luz com tecnologia, cor e como comunicar a luz.

Neste Encontro também exploraremos as possibilidades artísticas da luz na cidade, através de duas intervenções urbanas que vão ser construídas durante o evento em colaboração com os participantes do EILD. Este trabalho é fruto de um Concurso Internacional cujo resultado será divulgado em 23 de Maio. São duas obras que oferecerão uma experiência sensorial aos visitantes, que poderão entrar, interagir e percorrê-lo.

Um APP (aplicativo) guiará os participantes para que cada um cumpra todos os objetivos do Encontro. Através dele os participantes receberão informações sobre a programação em tempo real e alerta de atividades.

Este aplicativo também dará instruções diferenciadas para cada participante realizar determinadas atividades pela cidade, dirigindo-o ao ponto solicitado registrando o seu exercício no APP. Esta ferramenta nos dará, a possibilidade de gerar um grande banco de imagens e reflexões sobre luz na cidade.

O Encontro 2016 acontecerá entre os dias 21 e 24 de setembro, na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais, Brasil. Uma pitoresca cidade que conta com o maior conjunto homogêneo de arquitetura barroca do Brasil, declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Entre muitos tesouros arquitetônicos e artísticos, podemos encontrar um dos primeiros edifícios do arquiteto Oscar Niemeyer, o Grande Hotel de Ouro Preto.

Um lugar e um encontro perfeitos para transformar o olhar de todos os envolvidos no âmbito do Lighting Design. E gerar uma nova maneira de pensar que nos transforme, nos próximos anos, para a obtenção de melhores e mais qualificados projetos. As inscrições serão abertas em 02 de Maio de 2016.

Nos vemos em Ouro Preto!